O homem mais honrado que já pisou sobre a terra

o-homem-mais-honrado-que-ja-pisou-sobre-a-terra

por Jason_X » 07 Outubro de 2012, 02:37

“EIS O HOMEM!” – Com essa palavras o governador romano Pôncio Pilatos apresentou Jesus Cristo a uma multidão furiosa em Jerusalém (João 19:5). Este governante reconheceu que Cristo é Homem, é Macho. A sociedade politicamente correta, no entanto, tenta traçar um perfil diferente de Cristo: Tenta apresentar um Jesus meio afeminado (Como pode ser visto em muitas obras de arte), alguns chegam ao extremo de dizer que Jesus era gay. Isso tudo é mentira! Jesus é Macho, na verdade o homem mais honrado que já pisou sobre a terra. A virilidade de Jesus fica evidente:

1° Na maneira como ele lidava com o trabalho.
Jesus aprendeu de seu pai humano, José, uma profissão bem viril e pesada, Jesus era carpinteiro (Mateus 13:55). Tem você ideia do que isso significa? Jesus tinha de ir na floresta para derrubar arvores para poder extrair madeira. Ele não tinha os instrumentos que temos hoje, como serra elétrica. Ele tinha que fazer tudo manualmente. Isso devia fazer com que Jesus fosse forte e parrudo, bem diferente das obras de arte que tentam retratar um Jesus fraco e sem músculos. Um excelente exemplo para essas frangotes modernos que correm de trabalho pesado, pra mim todo homem deveria fazer um trabalho pesado ao menos uma vez na vida.

2° Jesus honrava seu pai e sua mãe.
Falando da relação que Jesus tinha com seu pai e sua mãe Lucas 2:51 diz: “e continuou a estar-lhes sujeito”. Jesus estava sujeito (ou obedecia) a Maria e José. Jesus poderia ter pensado: “Eu sou um humano perfeito, por que eu preciso obedecer a pessoas imperfeitas?” Jesus fazia isso por que sabia do mandamento de Deus de honrar o pai e a mãe (Mateus 15:4). Ou seja Jesus levava em consideração a base de qualquer sociedade – a família. Um exelente exemplo para qualquer homem honrado.

3° Quando necessário Jesus era enérgico e viril.
Certa vez Jesus foi no templo em Jerusalém, lá ele viu que cambistas vendiam animais a preços exorbitantes. Quando ele viu aquilo Jesus, começou a derrubar as mesas dos cambistas, soltar os animais. Pegou um chicote e começou a expulsar os cambistas do templo dizendo: “Tirai essas coisas daqui!!! Está escrito: ‘esta casa será chamada casa de oração’, mas vós a transformai num centro de comércio” (Marcos 11:15). Será que Jesus foi exagerado com essa atitude? Não. O templo de Deus em Jerusalém era o centro da adoração pura na terra, o judeu sincero que quisesse adorar a Deus deveria ir no templo em Jerusalém, aqueles cambistas se aproveitavam desse desejo das pessoas de adorar a Deus para conseguir lucro desonesto. Eles vendiam animais a preços exorbitantes. Jesus não suportou ver tamanha injustiça com pessoas sinceras e humildes, usando a sua autoridade como filho de Deus ele expulsou aqueles cambistas e assim limpou a casa de seu pai. Uma lição de virilidade e de como um macho deve agir em determinadas situações

4° Na maneira como lidava com mulheres.
Nos dias de Jesus havia um forte preconceito contra mulheres. Um homem não podia nem conversar com mulheres em público. Mas Jesus conversava, ele tinha até algumas amigas, como Maria e Marta (irmãs de Lázaro). Isso não significava que Jesus manginasse, muito pelo contrário quando necessário ele chamava a atenção delas. Vejam como ele chamou a atenção de Maria:

38 Ao prosseguirem então no caminho, ele entrou em certa aldeia. Ali, certa mulher, de nome Marta, recebeu-o como hóspede em sua casa. 39 Esta mulher tinha também uma irmã, chamada Maria, a qual, porém, se assentara aos pés do Senhor e escutava a palavra dele. 40 Marta, por outro lado, estava desatenta por cuidar de muitos deveres. Ela chegou assim perto e disse: “Senhor, não te importa que minha irmã me deixou sozinha para cuidar das coisas? Dize-lhe, portanto, que venha ajudar-me.” 41 Em resposta, o Senhor disse-lhe: “Marta, Marta, estás ansiosa e perturbada com muitas coisas. 42 Poucas coisas, porém, são necessárias, ou apenas uma. Maria, por sua parte, escolheu a boa porção, e esta não lhe será tirada.” (Lucas 10:38-42). 

Jesus não era um mangina, mas também não era um misógino odiador de mulheres.

5° Jesus não corria dos problemas e desafios, mas os encarava de frente, como um homem honrado deve fazer.
Jesus conhecia muito bem as escrituras. Ele conhecia as profecias que se cumpririam nele. Ele sabia que iria morrer de uma maneira terrível, neste momento tão difícil os seus discípulos o deixariam sozinho, incluindo seus 12 apóstolos (tudo isso já havia sido profetizado. Apesar de saber de tudo isso ele não correu do seu destino. Muito pelo contrário: quando Judas estava chegando ele disse aos 12: “Levantai-vos, vamos embora. Eis que se tem aproximado aquele que me trai” (Marcos 14:42). E foi em direção a Judas! Em vez de correr de seu destino ele o encarou de frente, como um homem deve fazer!

Conseguem perceber por que o marxismo cultural gosta tanto de querer distorcer a figura de cristo? Ele foi um homem honrado e viril, exatamente tudo o que a elite globalista não quer que os homens sejam. Cristo não foi qualquer homem, mas um homem realmente honrado. Mesmo que você não seja cristão, Cristo sempre será um excelente exemplo pra quem se chama homem.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s